terça-feira, julho 08, 2008

No cravo e na ferradura!


O ímpeto reformista do Governo foi positivo e de grande coragem, adiantam alguns dos autores do estudo sobre o Estado da Nação que a SEDES (Associação para o Desenvolvimento Económico e Social) irá apresentar hoje à noite em Lisboa...

O
Diário Económico falou com os analistas da SEDES, que sublinham a evolução positiva em áreas fundamentais como a saúde, a educação, o Código do Trabalho ou o controlo do défice. O elogio ao ímpeto reformista e a crítica pelo travão em véspera de eleições!

1 comentário:

OBSERVADOR disse...

Alegre considera «injustas» críticas da SEDES ao Governo

in TSF.pt

Manuel Alegre considerou esta terça-feira, em declarações à TSF, «injustas» as críticas da SEDES aos últimos meses de governação socialista, considerando que o Executivo não está a governar para as eleições do próximo ano.

No dia em que a SEDES acusou o Governo de gerir o país de olhos postos nas eleições para 2009, Manuel Alegre saiu em defesa do Governo.

«Neste momento, é feita uma crítica no sentido de querer que o Governo tome medidas ainda mais duras, que seja mais duro contra o Serviço Nacional de Saúde, que privatize mais» disse o deputado socialista, defendendo que se trata de uma «lógica conservadora», afirmou.

«Podem fazer-se críticas ao Governo, eu próprio já as fiz, mas afirmar que ele está a governar numa perspectiva eleitoralista é de uma grande injustiça», sublinhou.

O Governo tem sido criticado por estar a ceder a diversas pressões por causa das eleições, mas Manuel Alegre disse à TSF discordar, reafirmando que o Governo «não tem ouvido os gritos de quem sai à rua em protesto».