quinta-feira, junho 30, 2005

Empresas na hora e investimento no futuro


Cem dias após a aprovação do seu programa, o Governo aprovou o diploma que cria a «Empresa na Hora», através de um regime especial da constituição imediata de sociedades num único atendimento presencial e em qualquer conservatória do registo comercial ou centro de formalidades de empresas.

De igual forma, conforme se pode ler aqui, foi aprovado o Programa de Investimentos em Infra-Estruturas Prioritárias, que arrancam até 2009, em três grandes áreas: infra-estruturas básicas de ambiente, energia, transportes, cultura e apoio social (16,8 mil milhões de euros); valorização do território, nos domínios da política de cidades, património natural e turismo (3,8 mil milhões de euros); e conhecimento e sistemas de informação e formação (4,5 mil milhões de euros).

Mais investimento público e privado, mais empresas... mais emprego, melhor economia?!

quarta-feira, junho 29, 2005

Uma estrela na Terra...


O Reactor Experimental Termonuclear Internacional (ITER na sigla inglesa), vai ser construído em França, anuncia-nos hoje o Observatório do Algarve. A decisão foi tomada ontem em Moscovo, entre os seis membros do consórcio que vai gerir o projecto estimado em dez mil milhões de euros e que estará construído num prazo de dez anos.

A União Europeia, a Rússia e a China, de um lado, e os Estados Unidos, a Coreia do Sul e o Japão, do outro, resolveram um impasse de um ano gerado pelas duas localizações propostas - Rokkasho-mura, no Norte do Japão, e Cadarache, no Sul de França.

Compreende-se o regojizo dos franceses, ainda a lamberem as feridas do Referendo Europeu, pela opção pelo local proposto pela União Europeia, pois o ITER é o maior investimento em contexto de cooperação científica internacional a seguir à Estação Espacial Internacional.

Metade do investimento será suportado pela União Europeia, cujo VI Programa-Quadro de Investigação (2002-2006) já prevê 750 milhões de euros para este projecto, enquanto os restantes países contribuem com dez por cento do investimento, sendo que o Japão assumirá a direcção do projecto e ocupará 20 por cento dos postos de trabalho.

O objectivo do ITER é copiar o processo de criação de energia das estrelas, como o Sol, onde se atingem temperaturas de dez milhões de graus Celsius. Muito menos poluidor do que a fissão nuclear, o processo de fusão consiste em fundir núcleos de átomos de hidrogénio, o elemento químico mais leve da natureza, sujeitando esses átomos a uma temperatura de 100 milhões de graus. Os isótopos de hidrogénio - deutério e lítio - vão originar átomos de hélio, mais pesados. O aumento de massa dá lugar a uma libertação exponencial de energia, conforme ficou demonstrado na célebre teoria da relatividade restrita, de Albert Einstein.

É este fenómeno, que já foi usado pelas piores razões na bomba de hidrogénio, que será agora utilizado, com fins pacíficos e utilitários, para construir a primeira central de produção de energia por fusão nuclear. Um quilo de combustível para produzir energia por fusão equivale a dez milhões de quilos necessários para obter a mesma energia com combustíveis fósseis. Além disso, a energia libertada por este fenómeno é considerada praticamente limpa, defendem os cientistas, uma vez que a fusão produz muito poucos resíduos, comparando com a fissão ou cisão,o processo convencional de produção energética.

Quando se começa a falar de novo na construção de uma central nuclear em Portugal, é bom que estejamos atentos às novas tecnologias e às possibilidades que elas proporcionam...

terça-feira, junho 28, 2005

Ainda faltam 420 dias...


A empresa pública Águas do Algarve já adjudicou ao consórcio “PRIDESA/IRMÃOS CAVACO/HABIPRO”, pelo valor de 5.350.000,00€ e um prazo de execução de 420 dias, a construção da principal Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) do concelho de Tavira, que ficará localizada no Mato da Ordem, na margem esquerda da ribeira do Almargem.

Integrada no Sistema Multimunicipal de Saneamento do Algarve, que tem por objectivos melhorar a qualidade de vida das populações e preservar a qualidade do ambiente e dos recursos hídricos na região, a nova ETAR vai recepcionar os esgotos das setes freguesias do litoral tavirense, para o que estão a ser colocados cerca de vinte quilómetros de condutas para ligar os pólos residenciais e a serem construídas 8 estações elevatórias.

Depois de muitos anos sem investimentos de vulto neste sector no concelho de Tavira, num espaço de dois anos vão desaparecer oito ETAR's antigas e poluidoras, dando lugar a uma solução moderna e com capacidade para suportar os fluxos crescentes de turistas que procuram o Sotavento Algarvio.


Com a integração do projecto de saneamento do Algarve nas suas competências, a Águas do Algarve faz a gestão global do ciclo urbano da água em "alta", incluindo o abastecimento de água com qualidade e segurança e a recolha, tratamento dos efluentes domésticos, industriais e suinícolas da região que serão posteriormente devolvidos ao meio ambiente sem comprometer a qualidade dos recursos hídricos e num quadro de sustentabilidade ambiental.

Recorde-se que o Sistema decorre da decisão histórica do Governo de António Guterres, que se traduziu no protocolo subscrito em 26 de Maio de 2001 com os municípios da região, desempenhando então José Sócrates as funções de Ministro do Ambiente e do Ordenamento do Território!!!


segunda-feira, junho 27, 2005

Gato escaldado...


Nos termos desta notícia, a câmara municipal de Tavira informou os órgãos de comunicação social que "o projecto e a construção da Biblioteca Municipal Álvaro de Campos demorou cerca de 2 anos a ser erguido e os seus custos rondam os 2.197.650 €". Estamos em 2005, logo este processo ter-se-ia iniciado em 2003...

Desconhecendo o teor do comunicado da autarquia e confiando no texto da correspondente do Região Sul, é preciso apelar à memória e à necessidade de pesquisar as fontes disponíveis para transmitir aos seus leitores notícias sempre credíveis e fidedignas. De acordo com o
n.º 1 do Boletim INFORMAL, publicado pela Comissão de Coordenação da Região do Algarve (actual CCDRA), a biblioteca municipal de Tavira encontrava-se em fase de projecto no 1.º trimestre de 2001!!!

Recuando ainda mais no tempo e recorrendo aos documentos da própria autarquia tavirense, percebe-se que o processo da nova biblioteca arrastou-se nos serviços municipais desde 1998, quando é aprovada em reunião do executivo a minuta da deliberação respeitante à proposta de "estudo prévio para adaptação do Edifício da antiga Cadeia Civil e espaço adjacente para a instalação da Biblioteca Municipal tipo BM2" (Acta da Reunião nº 40 de 30 de Setembro - Ponto n.º 25) , sendo o projecto de arquitectura alvo de apreciação no início de 2000 e a minuta do contrato com o Ministério da Cultura aprovada em 2002 (Acta da Reunião de 13 de Fevereiro), prevendo as modalidades de cooperação e financiamento decididas pelo 2.º Governo de António Guterres!!!

Por tudo isto, é preciso ter algum cuidado com certas fontes...

domingo, junho 26, 2005

Será que é desta?!


A crise esteve presente nos discursos comemorativos do Dia das Forças Armadas, realizado no último sábado em Estremoz. Conforme destacou o Correio da Manhã, o ministro da Defesa Nacional afirmou que a crise económica e financeira de Portugal, "põe em causa a prazo, se não for atacada com determinação e coragem, o bem-estar futuro dos portugueses, a governabilidade do País e a própria independência nacional".

Num discurso que se pautou pelas reformas, Luís Amado garantiu uma gestão do património que terminará com uma "inaceitável delapidação de recursos". É para avançar uma lei de programação de infra-estruturas, a qual "é um instrumento indispensável para fazer face à obsolência de um elevado número de edifícios e instalações que não dignificam as Forças Armadas".

Não sabemos se o senhor ministro da Defesa tem conhecimento do abandono das instalações e das enormes potencialidades do antigo Quartel da Atalaia em Tavira, por onde passaram inúmeras gerações de jovens militares, mas seria bom que disponibilizasse um dos seus atarefados dias para avaliar o seu estado de conservação e os projectos existentes para a sua reabilitação e, de caminho, visitar as obras que decorrem no antigo Quartel do Convento da Graça!

Durante muitos anos, as forças vivas da cidade defenderam a sua devolução à sociedade tavirense para parar a degradação progressiva daquele valiosíssimo património edificado e a sua integração na oferta turística do concelho e do sotavento algarvio!

Durante muitos anos, a vontade da autarquia e dos tavirenses esbarrou na intransigência e na teimosia das hierarquias militares, traduzida nos elevados valores pedidos para garantir a sua transferência para o património municipal, que apenas foi derrubada pela decisão política do Ministério da Defesa Nacional, da qual foram co-responsáveis António Vitorino e Veiga Simão!

Desde a sua aquisição pela câmara municipal em 1998 e da transferência para a
ENATUR, através de protocolo aprovado em 9 de Junho de 1999, iniciou-se um processo de estudo, desenvolvimento de projectos, definição do financiamento e de recuperação que culminará com a sua abertura ao público como Pousada do Convento de Nossa Senhora da Graça!

O magnífico edifício do Quartel da Atalaia merecia um destino diferente, a cidade merecia a reabilitação daquele espaço e sua plena integração no seu tecido sócio-económico, através da iniciativa pública ou com a participação de parceiros privados. As suas características admitem uma variedade enorme de possibilidades de utilização e a sua plena rentabilização permitiria a criação de algumas dezenas de empregos, para não ser muito optimista...


As crises exigem-nos visão e vontade para serem ultrapassadas com sucesso. Por vezes, há males que vêm por bem...

sexta-feira, junho 24, 2005

Futebol sustentável...


Os craques Manuel Fernandes e João Pereira, ambos do Benfica, e João Moutinho, do Sporting, são alguns dos jogadores já confirmados para alinhar no jogo de beneficência que oporá uma equipa "All Stars" da Superliga e o Algarve United, onde será feita uma recolha de fundos que reverterão para a Associação SOS Lince.

Com entrada livre, a partida joga-se no Estádio do Ginásio de Tavira neste sábado, dia 25 de Junho, pelas 21:00 horas, e é uma iniciativa para divulgar as actividades do Algarve United e os objectivos da Associação SOS Lince. E você, já pensou em tornar-se um lince?!

Danos colaterais?!


No primeiro Barómetro da Marktest/Diário de Notícias/TSF feito depois de José Sócrates ter anunciado as medidas restritivas de combate ao défice de 6,83%, o PS dá um pequeno trambolhão nas intenções de voto.

Segundo a sondagem do mês de Junho, os socialistas caem dois pontos percentuais, na mesma proporção em que os sociais-democratas, passando de 49% em Maio para 47% no corrente mês, demonstrando que o Governo e o PS devem adoptar uma atitude pedagógica para explicar aos portugueses as razões que fundamentam as medidas e as reformas que estão a efectuar...

Quanto aos resultados do Barómetro, só o futuro nos esclarecerá se são meros efeitos da conjuntura ou uma tendência estrutural que se consolidará nos próximos meses. Vamos estar atentos!


Acto de reflexão


(Publicado na edição de 23 de Junho de 2005 do jornal POSTAL DO ALGARVE)

Há quatro anos, aceitei o desafio de liderar uma candidatura à Assembleia de Freguesia de Santiago. Contra a corrente maioritária das sondagens, o Partido Socialista apresentou em Tavira um conjunto de candidaturas corajosas que pretendiam implementar uma nova forma de estar na política!

Aceitei aquele desafio motivado pela defesa constante dos elevados padrões de qualidade de vida que reconhecidamente ainda existiam em Tavira, pela dinamização dos espaços públicos desportivos e culturais, pela conservação do nosso património ambiental, arquitectónico e cultural, pelo desenvolvimento económico equilibrado e sustentado da cidade e do espaço rural magnífico que resistia à invasão do betão.

Como é do conhecimento público, o nosso sucesso foi relativo. Contudo, face às adversidades, há quem sinta uma motivação reforçada e resista à tentação comodista de cruzar os braços!

Ao longo destes quatro anos de mandato autárquico, integrados numa assembleia de freguesia composta maioritariamente pelos eleitos da força política dominante no concelho, os representantes do PS pugnaram pelo cumprimento de um programa exigente de iniciativas e infra-estruturas, delineado com os demais parceiros da lista e que entendíamos corresponder às expectativas dos nossos concidadãos…

Neste período, foi possível comprovar que o facto de estarmos na oposição implica uma maior determinação no respeito dos princípios e no cumprimento dos objectivos. Para tal, sempre com uma postura de exigência construtiva, tentámos estabelecer pontes e reconhecer posições comuns que fossem valorizadas pela nossa intervenção. Por isso, independentemente das perspectivas de sucesso, procurámos liderar iniciativas que correspondessem ao interesse de todos!

Se em alguns casos, tal não mereceu o acolhimento positivo da maioria daquele órgão autárquico (renovação do regimento, adopção do orçamento participativo ou o desenvolvimento de importantes infra-estruturas na freguesia – novo acesso viário a Santa Luzia, quartel da GNR, parque empresarial de Santa Margarida, pousadas da juventude e do Convento da Graça, etc, etc,), noutras situações não podemos deixar de sublinhar a aprovação unânime de algumas propostas (alterações à circulação rodoviária, requalificação da rua do Alto do Cano e da rua dos Mouros, beneficiação do parque escolar, requalificação de espaços públicos, limpeza e conservação de mobiliário urbano, etc, etc.).

Aproximando-se o termo deste mandato, gostaria de agradecer o empenhamento activo da Dra. Ana Carvalho, do José Gonçalves e da Dra. Teresa Afonso, que participaram ao meu lado nesta missão, as sugestões frequentes e a disponibilidade permanente dos demais membros da lista e, nas pessoas da D. Maria de Lurdes Cirne e do Rui Amaro, aos outros eleitos da assembleia e da junta da freguesia, pela forma como acolheram e reencaminharam as nossas preocupações e propostas, no respeito dos valores democráticos que sempre regeram a nossa conduta.

Estamos na política para servir os tavirenses, porque apostamos na valorização do nosso património natural, arquitectónico e cultural como forma de gerar mais e melhor emprego e prosperidade. Porque todos merecem ser alvo de atenções especiais durante todo o mandato e não apenas na véspera das campanhas eleitorais. Sempre, para um futuro melhor!

domingo, junho 19, 2005

Dia de festa


Na mesma data, o desporto português tem três motivos de orgulho...

O piloto alemão Michael Schumacher (Ferrari) venceu o Grande Prémio dos Estados Unidos de Fórmula 1 e o português Tiago Monteiro (Jordan) ficou no terceiro lugar, numa prova marcada pela partida de apenas seis pilotos, depois da polémica com os pneus da Michelin.

Assim, continuando a quebrar os records de fiabilidade desta modalidade, o "rookie" Monteiro conquistou seis pontos preciosos para o seu futuro na modalidade e tornou-se o primeiro português a subir ao pódio de uma corrida de Fórmula 1...

No atletismo, a selecção de Portugal terminou em quarto lugar em masculinos e em quinto em femininos no grupo B da Primeira Liga da Taça da Europa, assegurando a permanência no escalão intermédio da competição.

No andebol, a selecção nacional masculina liderada pelo histórico Mats Olson garantiu a presença no Campeonato da Europa da modalidade do próximo ano, ao vencer a República Checa, por 32-24, em jogo da segunda mão do "play-off" de apuramento, disputado no Entroncamento.

Parece que há desporto para além... do futebol!

sábado, junho 18, 2005

Parabéns, Isabel!


A Junta de Freguesia de Portimão recebeu o "Prémio de Boas Práticas de Modernização Administrativa de 2004", atribuído pela Direcção-Geral das Autarquias Locais (DGAL), no âmbito do "III Concurso de Boas Práticas de Modernização Administrativa Autárquica", realizado a nível nacional em Novembro de 2004.

Segundo o
Região Sul, a atribuição deste prémio é fruto do trabalho desenvolvido no âmbito do projecto "O Utente e a Qualidade de Serviço", uma iniciativa iniciada em 2002 e cuja dotação financeira foi de 65 mil euros.

Recentemente, o "site" do município de Loulé também foi distinguido pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa e pela Universidade do Minho. Raios de sol algarvios na net...

sexta-feira, junho 17, 2005

quinta-feira, junho 16, 2005

Fitas sem fim... ao ar livre!


A 6ª edição da Mostra de Cinema Europeu de Tavira, que decorre de 15 a 26 de Julho, nos Claustros do Convento do Carmo, apresenta-nos este ano um cartaz muito apelativo que se estende por mais dias do que o habitual.

Promovida pelo Cineclube de Tavira, a Mostra é um evento de relevo no panorama cinematográfico do Algarve, complementado com mais 10 dias dedicados ao cinema em geral, com a realização da 1ª Mostra de Cinema não europeu, de 5 a 14 de Agosto.

terça-feira, junho 14, 2005

Dupla homenagem


Junho parece ser fatal para as personalidades que edificaram a história portuguesa do séc. XX. Em 2004, levou-nos António de Sousa Franco, Maria de Lurdes Pintassilgo e Sophia de Mello Breyner. Agora, de uma assentada, ficámos sem Eugénio de Andrade, Vasco Gonçalves e Álvaro Cunhal!

Depois de lembrarmos a figura de Eugénio de Andrade, destaquem-se as figuras marcantes da luta contra a ditadura do Estado Novo e da Revolução de Abril, ligadas indelevelmente ao Partido Comunista Português. Recordem-se aqui o general que foi Primeiro-Ministro em quatro oportunidades entre 1974 e 1975 e o líder carismático que nunca chegou ao poder...

Afastado da política activa após o 25 de Novembro, idolatrado por uma multidão de admiradores, o "companheiroVasco" continuaria a defender os ideais e os princípios que haviam determinado a sua participação na Revolução de Abril, procurando transmitir às novas gerações uma visão que o tempo não desvanecerá...

Para a história de Portugal, de Álvaro Cunhal ficarão igualmente os contributos da acção política e do pensamento de um revolucionário onde coexistem o ideólogo, o estadista, o estratego, o dirigente partidário e o intelectual "que consegue contemplar o movimento da história atento ao imediato e simultaneamente com o distanciamento e a serenidade de um artista", nas palavras de Urbano Tavares Rodrigues.

Cruzei-me com ele em 1991, tendo tido a oportunidade de entrevistá-lo sobre o momento político e ficou a impressão do Homem que, com altivez e dignidade, assistia ao desmoronar de um sonho. Poucos meses depois, abandonava a liderança do PCP e abria o caminho aos mais novos...

segunda-feira, junho 13, 2005

Um sorriso eterno


A forma como juntava as palavras lembrava um milagre, o seu sorriso a eternidade e a simplicidade era surpreendente. Eugénio de Andrade deixou-nos hoje, talvez mais consciente do que nunca...

"Se vens à minha procura,
eu aqui estou. Toma-me, noite,
sem sombra de amargura,
consciente do que dou"


Eugénio de Andrade (1923/2005)

sexta-feira, junho 10, 2005

Vem aí os americanos?!


A crer no artigo da FORBES que se pode ler aqui, espera-se uma invasão de americanos nos próximos meses.

Segundo aquela prestigiada publicação financeira, o resultado negativo dos referendos na França e na Holanda provocou uma queda do Euro face ao Dólar e tal pode propiciar uma procura crescente de produtos europeus e de destinos turísticos no velho continente. Será?!

Para nosso prazer, "o museu do Louvre, os canais de Veneza e as praias do Algarve" são escolhidos pelo articulista como destinos exemplares na Europa. Preparem-se!

quinta-feira, junho 09, 2005

Na primeira página...


O Algarve está hoje na primeira página da principal news magazine portuguesa. Seria bom que fosse por boas razões, mas não é assim...

Ao longo de quatorze páginas, a revista VISÃO apresenta um trabalho de Luís Ribeiro e Ricardo Fonseca sobre os grandes crimes ambientais em Portugal.


As pedreiras que esventram a paisagem, o flagelo dos incêndios florestais e as construções clandestinas / ilegais em áreas protegidas são o contributo do Algarve para o somatório das desgraças...

Será que as campanhas de sensibilização ambiental conseguem ocultar tanta evidência?!

Finalmente…


(Publicado na edição de 9 de Junho de 2005 do jornal POSTAL DO ALGARVE)

O Conselho de Ministros Extraordinário do último domingo, realizado na vila de Sagres, vai ficar na memória pela aprovação do Plano de Ordenamento da Orla Costeira (POOC) do Sotavento Algarvio.

Abrangendo o litoral de seis concelhos, entre Vilamoura e Vila Real de Santo António, com esta resolução procede-se à aprovação do último dos POOC’s previstos para a zona costeira do continente, encerrando-se assim um processo iniciado na segunda metade da década de noventa e da maior importância para a defesa do litoral.

O POOC do Sotavento Algarvio estabelece regimes de salvaguarda de recursos e valores naturais e fixa os usos e o regime de gestão, com vista a assegurar a permanência dos sistemas indispensáveis à utilização sustentável da sua área de intervenção.

O POOC visa, em especial, o ordenamento dos diferentes usos e actividades específicas da orla costeira, a classificação das praias e a regulamentação do uso balnear; a valorização e qualificação das praias consideradas estratégicas por motivos ambientais ou turísticos e a orientação do desenvolvimento de actividades específicas da orla costeira e a defesa e valorização dos recursos naturais e do património histórico e cultural.

Ninguém desconhece o valor deste património para a economia regional, cujo dinamismo depende quase exclusivamente do sector turístico e da qualidade do litoral, muitas vezes desprezado e continuamente agredido…

Felizmente, nos últimos anos, observou-se uma inversão na política de investimentos na preservação das zonas adjacentes e no tratamento das águas residuais. Decisões assumidas por José Sócrates, enquanto ministro do Ambiente e do Ordenamento do Território, no início desta década!

Assim, foram investidos largos milhões de euros na protecção do cordão dunar da Ria Formosa e na requalificação das zonas balneares, conforme pode ser observado nas praias das Cabanas, da Terra Estreita e do Barril. Convinha não perder o rumo e garantir a conservação e o alargamento dos quilómetros de barreiras e de passadiços ali colocados!

Da mesma forma, perante a incapacidade dos municípios para concretizarem tais investimentos, está a assistir-se a uma revolução silenciosa no tratamento das águas residuais. É exemplo disso a construção do sistema de recolha e tratamento dos esgotos no litoral do concelho de Tavira, a cargo da empresa pública Águas do Algarve, que incluem a construção de colectores, estações elevatórias e de estações de tratamento, bem como a sua exploração no futuro. Só assim será possível garantir a qualidade das águas balneares e a continuidade da Ria Formosa como símbolo de excelência ambiental!

Finalmente, para o melhor e para o pior, temos Governo. É bom que se perceba qual o destino dos nossos esforços e que alguns sacrifícios são justificados pelo bem comum. Neste caso concreto, as próximas gerações serão as principais beneficiárias da nossa herança!

quarta-feira, junho 08, 2005

Os sacrifícios são para todos...


No dia em que a selecção nacional de futebol praticamente assegurou o bilhete para o Mundial de 2006 na Alemanha, o Governo deliberou acabar com um conjunto de regalias adicionais da classe política, alargando os sacrifícios aos eleitos das autarquias locais...

O Conselho de Ministros aprovou uma Proposta de Lei que altera as pensões e subvenções dos titulares de cargos políticos. Assim, a partir do dia da entrada em vigor da Lei, o tempo de exercício de funções políticas deixe de contar para o cálculo do valor da subvenção vitalícia ou do subsídio de integração dos que já ocupam essas funções, cessando por completo para o futuro.

Por outro lado, pretende-se restringir a um terço do salário base dos autarcas a acumulação de remunerações de empresas municipais participadas pelo respectivo município e limitar a acumulação do salário com quaisquer reformas ou pensões, obrigando-os a optar entre um terço do vencimento base ou, em alternativa, um terço da pensão.

Agora, vamos ver quantas empresas municipais vão subsistir...

segunda-feira, junho 06, 2005

Heli em Cachopo...


Segundo informação do portal Algarve Notícias, a aldeia de Cachopo vai receber um helicóptero nos próximos dias para proteger a principal mancha florestal do Algarve que permanece razoavelmente intacta, nos concelhos de Tavira e Alcoutim...

Será que vamos ter fogos florestais no Nordeste algarvio neste Verão?! Não parece haver razão para tal, mas...

Já 'tá NO AR!


"Tenho tanto por dizer, tanto por contar..." revela Viviane em "A Vida Não Chega", o single que marca o seu regresso ao activo depois de anos de canções com os Entre Aspas, Linha da Frente e Camaleão Azul, e que já roda nas grandes rádios nacionais...

A ficha técnica, o single de apresentação e mais alguns pormenores podem encontrar-se aqui. Segundo o site
Música Total, os "Amores Imperfeitos" que dão título ao novo álbum de Viviane, "resultam em canções cheias de alma, que respiram vida em cada dobra de melodia, em cada sopro da sua carismática voz, em cada palavra sentida como se fosse a primeira."

Gravado em terras algarvias pelo mestre Tó Viegas, "Amores Imperfeitos" é um autêntico raio de sol na triste paisagem da nova música portuguesa e promete marcar positivamente o Verão de 2005!

domingo, junho 05, 2005

Para mais tarde recordar


Ninguém tem memória de um dia assim. Pronto, celebra-se hoje o Dia Mundial do Ambiente e esta é uma data histórica para o Algarve e para os algarvios...

Em primeiro lugar, porque os senhores que fazem parte do Governo decidiram trabalhar ao Domingo, aproveitando o sol algarvio para aprovar um pacote legislativo ligado às matérias ambientais que terá reflexos no nosso quotidiano.

Em segundo lugar, porque nesse pacote está incluído o sempre adiado Plano de Ordenamento da Orla Costeira (POOC) Vilamoura / Vila Real de Santo António, satisfazendo-se um compromisso inadiável de preservação e requalificação do nosso litoral e permitindo-se o desenvolvimento sustentável de seis dos municípios mais preservados do Algarve!

Em terceiro lugar, mostrando uma capacidade de decisão muito apreciada pelos eleitores, o Governo deliberou avançar com as obras da Barragem de Odelouca e, principalmente, com a ligação da Barragem do Funcho à Barragem de Santa Clara (Alentejo), através de uma conduta com mais de quarenta quilómetros, como vinhamos defendendo por aqui há uns tempitos...

Depois destes, os outros anúncios e promessas são "alcagóitas", mas é sempre bom saber que a segurança e a saúde dos algarvios e dos nossos visitantes sazonais merecem uma atenção especial de quem manda no rectângulo!

sexta-feira, junho 03, 2005

De corpo e alma ao vivo...


O mais jovem dos concelhos algarvios faz por merecer os galões e comemora 91 aninhos com um concerto acústico dos Delfins, integrado na tournée "De corpo e alma..."

Vale a pena ir até São Brás de Alportel neste sábado, nem que seja para matar saudades da banda dos meninos da linha...